top of page
  • Foto do escritorRedação

Sanções pela guerra aumentam procura das empresas por due diligence

Preocupação é evitar que companhias sejam responsabilizadas criminalmente por desobedecerem a bloqueios aprovados contra negócios feitos com a Rússia


Além de toda a tragédia humanitária, a guerra no Leste Europeu trouxe uma preocupação adicional para os departamentos jurídicos das empresas em todo o mundo: evitar punições por desobedecerem às pesadas sanções internacionais impostas sobre o mundo dos negócios na Rússia. Dessa forma, desde os primeiros dias da invasão da Ucrânia pela Rússia, muitas companhias em todo o mundo passaram a buscar formas de ampliar suas estruturas e fortalecer as estratégias de Due Dilligence.


O CEO da plataforma de compliance Kronoos, Alexandre Pegoraro, afirma ter detectado um aumento na busca por dossiês globais de compliance e due dilligence na companhia em 2022. Segundo ele, durante os quatro primeiros meses deste ano, houve um crescimento de 40% nas solicitações deste tipo.


Os especialistas do Gartner para assuntos ligados ao mundo jurídico e de conformidade colocaram o aumento da eficiência em due dilligence como uma das três respostas necessárias destes setores aos problemas causados pelo conflito. O documento cita as seguintes urgências:


• Avaliar os contratos de vendas e fornecedores para identificar aqueles afetados por sanções e classificar em dois grupos: aqueles que podem ser rescindidos imediatamente e aqueles com período de liquidação. Em seguida, fornecer aos colegas de vendas, serviços e terceirização scripts e procedimentos apropriados para informar as partes de sanções que os contratos serão rescindidos.


• Fazer parceria com compras e cadeia de suprimentos para identificar terceiros que agora precisam de due diligence estendida ou monitoramento contínuo. Além disso, se conectar com todos os fornecedores que o departamento usa para conduzir a devida diligência para entender como eles estão atualizando seus processos para refletir novas sanções.


• Garantir que a devida diligência robusta esteja em vigor em qualquer entidade estrangeira que seja receptora planejada de doações corporativas para identificar possíveis problemas e determinar se é necessário revisar quaisquer doações ou conexões de caridade (por exemplo, membros do conselho) para qualquer relação com uma entidade sancionada.




“A responsabilidade do departamento jurídico de orientar os órgãos decisores das empresas quanto às decisões a serem tomadas se tornam ainda mais complexas por causa do conflito pois envolve sanções que podem mudar rapidamente e obrigar mudanças bruscas de direção nos negócios. Diante deste cenário é natural que os profissionais se movimentem para estar mais adiantados possível em termos de informações sobre todos os parceiros de negócios que possam ser afetados de alguma forma”, diz Pegoraro.

O Kronoos é uma plataforma de tecnologia especializada em compliance judicial que disponibiliza a baixos custos a possibilidade de fazer pesquisas por meio de mineração de dados através de mais de 3.500 fontes, nacionais e internacionais, realizando análises, a partir de Inteligência Artificial para verificação de processos, vestígios de corrupção, lavagem de dinheiro, terrorismo, leis ambientais, crédito e mídia negativa, entregando esse resultado para os clientes em menos de 1 minuto.


Comments


bottom of page